Que “animal” é esse?

Popularmente conhecido como Niquim(Thalassophryne  nattereri). Em geral habita locais com pouca profundidade, estuários e mangues, parcialmente enterrado na areia ou lama. Tem dois olhos rasos, atentos, à espera de presas. Alimenta-se de mariscos, crustáceos e pequenos peixes.

niquim1.JPG

Os peixes do gênero Thalassophryne possuem um dos mais perfeitos aparatos de veneno, com glândulas conectadas a acúleos ocos localizadas na região anterior à nadadeira dorsal e nas regiões pré-operculares. Essa particularidade permite que o veneno seja injetado sob pressão. Os acidentes causados pela espécie T. nattereri são freqüentes no litoral do Brasil, particularmente no Nordeste, representando um problema de Saúde Pública. Estes acidentes ocorrem na maioria das vezes na região plantar ou palmar, quando ao pisar inadvertidamente no peixe, há perfuração do tegumento com liberação do veneno por pressão sobre o tecido glandular.

niquim2.JPG

Os indivíduos que sofrem acidentes pelo T. nattereri apresentam dor intensa com irradiação para a raiz do membro, seguida de reação inflamatória aguda no local, com ocasional necrose e difícil cicatrização. Recentemente, foi demonstrado o efeito renal deste veneno. Sabe-se que a maioria dos acidentes provocados pela espécie afeta, principalmente, as comunidades pesqueiras.

Não há tratamento específico para ferimentos causados pelo niquim. Costuma-se tratar os ferimentos “caseiramente” com urina ou água quente. Mesmo em hospitais o tratamento se limita a anestésico, limpeza cirúrgica e drenagem de secções. Enquanto o soro específico não fica pronto, o ideal é evitar pisar com os pés descalços regiões lodosas de estuário, locais bastante procurados pelo niquim. E, em caso de acidente, tratar a ferida com água quente funciona mesmo, pra aliviar a dor e evitar que o veneno espalhe.
 

One Response to “Que “animal” é esse?”

  1. fui ferroado pelo niquim no dia 22 até hoje meu dedo esta cicatrizando e doi pra caramba só que onde ele colocou o veneno foi no dedão da minha mão esquerda mais hoje já consigo pescar com o mulinete de boa

Deixe seu comentário